Últimas Notícias
Home > Destaque > Coronel da Polícia Militar, Adanil Firmino morre em Uberlândia

Coronel da Polícia Militar, Adanil Firmino morre em Uberlândia

Policial reformado sofreu mal súbito; entre as atuações na Segurança, ele foi diretor do Presídio de Uberlândia I e diretor de referência de nove unidades penais no Triângulo Mineiro.

Morreu na tarde desta terça-feira (8) o coronel aposentado da Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG), Adanil Firmino da Silva, aos 69 anos. A informação foi confirmada pela PM em comunicado.

Segundo a 9ª Região de Polícia Militar (9ª RPM), ele passou mal enquanto trabalhava em uma obra na chácara da família, chegou a ser socorrido e encaminhado para a Unidade de Atendimento Integrado (UAI) Pampulha, mas não resistiu. A causa da morte não foi informada.

O coronel deixa a esposa Regina de Oliveira Firmino e três filhos, Flávia de Oliveira Firmino, Tiago de Oliveira Firmino e Julia Nizzato de Oliveira. A família ainda organiza os trâmites funerários e não há informações sobre o velório e sepultamento.

Adanil Firmino da Silva chegou à Uberlândia para comandar o Batalhão do Corpo de Bombeiros, mas com a possibilidade de atuar na Polícia Militar. Ao ir para a reserva, permaneceu lotado no 32º Batalhão da PM. Entre 2004 e 2010 foi diretor do Presídio de Uberlândia I.

Em 2010 se tornou diretor de referência de nove unidades penais da 9ª Região Integrada de Segurança Pública (9ª Risp). O coronel também era formado em Direito atuou como advogado.

Sobre Portal MAM NEWS

Deixe uma Respposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.Campos obrigatórios são marcados *

*

x

Veja Também

Governo de MG vai pagar dívida de quase R$ 7 bilhões da saúde aos municípios

O governo de Minas Gerais chegou a um acordo com a Associação Mineira de Municípios (AMM) para o pagamento dos recursos ...